A importância da vacina contra a gripe

Para Que Serve A Vacina Da Gripe

​​​​Entenda porque é importante se vacinar contra a gripe O objetivo da vacina da gripe ​ é reduzir a circulação do vírus e, consequentemente, o número de hospitalizações e risco de morte devido à gripe , já que o Influenza está relacionado a uma série de complicações como pneumonia e doenças cardíacas, por exemplo.

A Importância da Vacinação contra a Gripe

A vacina contra a gripe é classificada como inativada. Isso significa que ela é feita a partir de vírus da gripe que foram modificados, mortos ou compostos por suas partículas. Portanto, a vacina contém o vírus Influenza inativo em sua composição e não pode causar a doença.

Diferenças da vacina da gripe a cada ano: quais são?

Anualmente, a Anvisa realiza uma análise da composição das vacinas contra a gripe utilizadas no Brasil. Essa avaliação leva em consideração as cepas que mais circularam tanto no país quanto no mundo durante o último ano, com o objetivo de determinar a preparação dos imunizantes para garantir sua eficácia.

Confira: “Descubra mais sobre as distinções entre gripe e resfriado, informações essenciais que você precisa conhecer.

Idade recomendada para receber a vacina da gripe

A vacina contra a gripe pode ser aplicada em bebês a partir dos 6 meses de idade, desde que não haja nenhuma contraindicação.

Quais são as restrições para a vacina da gripe?

Pessoas que apresentam alergia grave com risco de morte (anafilaxia) a algum componente da vacina contra a gripe, ou que tenham tido essa reação após receber alguma dose do imunizante, não devem tomar a vacina. No entanto, para aqueles que possuem alergia ao ovo, é possível receber a vacina contra o Influenza, conforme orientação da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm).

Assista ao vídeo abaixo para conhecer algumas razões que não devem ser obstáculos para a vacinação.

Confira também: Principais perguntas sobre a gripe para saber mais!

Quantas doses da vacina contra a gripe devem ser tomadas?

Para crianças entre 6 meses e 8 anos, a recomendação é que recebam duas doses da vacina em sua primeira imunização, com um intervalo de um mês entre elas. Nos anos seguintes, uma única dose é suficiente. Já para as crianças a partir dos 9 anos, a indicação é receber uma dose única anualmente.

É necessário tomar a vacina contra gripe novamente no Brasil se já foi tomada em outro país?

É recomendado que aqueles que receberam a vacina contra gripe em países do Hemisfério Norte, como os Estados Unidos, também sejam vacinados aqui no Brasil. Isso ocorre devido à possibilidade da composição da vacina contra gripe ser diferente nos diferentes países, dependendo das cepas mais prevalentes em cada região.

You might be interested:  Remédios para tratar a rouquidão causada pela gripe

O funcionamento da vacina contra a gripe em nosso corpo

A vacina contra a gripe funciona protegendo o organismo contra as diferentes cepas do vírus. Existem dois tipos principais de vacinas: a trivalente e a quadrivalente. A vacina trivalente confere proteção contra três cepas do vírus da gripe, enquanto a quadrivalente oferece proteção contra quatro cepas.

Para produzir essas vacinas, são utilizadas subunidades de vírus inativados. Esses fragmentos virais são selecionados com base nas cepas mais prevalentes em determinada temporada gripal e são incorporados na formulação das vacinas. Após serem preparadas, as subunidades virais inativadas são armazenadas num mesmo frasco para facilitar sua administração.

– A vacina da gripe pode ser trivalente ou quadrivalente.

– A versão trivalente confere proteção contra três cepas do vírus.

– Já a versão quadrivalente oferece proteção contra quatro cepas.

– Ambos os tipos de vacina são feitos utilizando-se subunidades de vírus inativados.

– As subunidades virais inativadas são armazenadas juntas num mesmo frasco antes da aplicação.

Tempo necessário para a vacina da gripe surtir efeito no corpo

Uma vez administrada, a vacina contra a gripe demora aproximadamente de 2 a 3 semanas para alcançar o efeito desejado de gerar uma quantidade eficaz de anticorpos contra o vírus.

Quem deve receber a vacina contra a gripe?

A vacina contra a influenza está disponível para todas as pessoas com mais de 6 meses de idade, seguindo as diretrizes da Campanha Nacional de Vacinação. É importante ressaltar que a imunização é recomendada especialmente para os grupos prioritários, como idosos, crianças pequenas, gestantes e portadores de doenças crônicas.

Lista dos grupos prioritários:

1. Idosos com 60 anos ou mais.

2. Crianças entre 6 meses e menores de 5 anos.

3. Gestantes em qualquer período da gravidez.

4. Puérperas (mulheres até 45 dias após o parto).

5. Trabalhadores da área da saúde.

6. Professores das redes pública e privada.

7. Povos indígenas aldeados.

8. Portadores de doenças crônicas não transmissíveis (como diabetes, hipertensão arterial, doença respiratória crônica).

9. Pessoas com condições clínicas especiais (como transplantados, pacientes renais em diálise).

Lembrando que é fundamental consultar um profissional médico antes de tomar qualquer decisão relacionada à vacinação contra a influenza!

As reações da vacina contra a gripe: o que esperar?

Após receber a vacina contra a gripe, é comum experimentar algumas reações como dor no local da aplicação, sensação de cansaço e sonolência, além de uma possível febre leve.

Na tabela a seguir, estão listados os possíveis efeitos que uma pessoa pode experimentar após tomar uma dose.

A eficácia da vacina da gripe em evitar a doença

A vacina contra a gripe não causa gripes, pois o vírus presente na vacina está inativo.

Duração da proteção oferecida pela vacina contra a gripe

A detecção de anticorpos protetores acontece cerca de duas a três semanas após receber a vacina, e geralmente dura entre 6 e 12 meses. O pico máximo desses anticorpos é alcançado entre 4 e 6 semanas após a vacinação. A proteção fornecida pela vacina tem uma duração aproximada de um ano, por isso é recomendado tomar a vacina anualmente.

Dicas práticas para entender o tempo de proteção da vacina contra doenças são importantes para garantir que as pessoas estejam adequadamente imunizadas. Após receber uma dose da vacina, leva algumas semanas até que os anticorpos sejam detectados no organismo. É importante lembrar que cada pessoa pode responder à vacinação de maneira diferente, portanto, essas estimativas são apenas médias.

Para ilustrar essa questão do tempo de proteção das vacinas: imagine que você recebeu sua primeira dose em janeiro deste ano. Duas ou três semanas depois dessa data, seu corpo começará a produzir os anticorpos necessários para combater determinada doença específica. Essa resposta imune atinge seu ponto mais alto entre quatro e seis semanas após a aplicação da dose.

You might be interested:  Prevenção da Hepatite B e C

No entanto, é fundamental ressaltar que essa resposta imune não dura indefinidamente. Em média, ela oferece proteção por um período entre seis e doze meses. Portanto, mesmo tendo sido completamente imunizado com sucesso durante esse intervalo inicial (depois das primeiras duas doses), ainda há o risco potencial de contrair novamente aquela mesma doença caso haja exposição ao vírus ou bactéria causadores dela.

Por esse motivo é tão importante manter o calendário de vacinação em dia e receber a dose anualmente, especialmente para doenças como a gripe. A cada ano, as cepas do vírus influenza podem sofrer mutações e se tornarem diferentes das que circularam no ano anterior. Portanto, é necessário atualizar a vacina para garantir uma proteção eficaz contra as novas variantes do vírus.

Início da Campanha de Vacinação contra a Gripe: Quando Começa?

A vacinação contra a gripe geralmente tem início em março na rede privada e em abril na rede pública de saúde, ano após ano.

Por que a vacina contra a gripe é importante?

Não há motivo para ter medo da vacina contra a gripe. Ela é feita com vírus inativados, o que significa que não pode causar a doença em quem a recebe. Além disso, é importante lembrar que leva cerca de 15 dias para que a vacina comece a fazer efeito no organismo.

A composição da vacina contra a gripe é cuidadosamente preparada para garantir sua segurança e eficácia. Os vírus presentes na vacina são inativados, ou seja, estão mortos e incapazes de se replicarem dentro do corpo humano. Isso elimina qualquer possibilidade de desenvolvermos sintomas gripais após recebermos a dose.

É normal sentir algum desconforto localizado no local da aplicação da vacina, como uma leve dor ou vermelhidão temporária. Essas reações são consideradas normais e costumam desaparecer rapidamente sem necessidade de tratamento adicional.

Lembramos também que mesmo após recebermos a vacinação completa, ainda podemos contrair outras cepas do vírus influenza diferentes das contidas na vacina. No entanto, estudos mostram que as pessoas imunizadas têm menor probabilidade de desenvolver complicações graves relacionadas à gripe.

Portanto, ao tomar todas as precauções recomendadas pelas autoridades sanitárias – como lavagem frequente das mãos e evitar contato próximo com pessoas infectadas – além de receber anualmente a dose atualizada da vacina contra gripe quando disponível -, estamos contribuindo para proteger nossa saúde individual e coletiva durante os períodos sazonais dessa doença respiratória tão comum em nosso país.

Onde encontrar a vacina contra a gripe?

A vacina trivalente está disponível gratuitamente na rede pública de saúde, enquanto a versão quadrivalente só pode ser encontrada em clínicas particulares. Portanto, se você deseja uma proteção adicional contra as principais cepas do vírus para você e sua família, a Beep Saúde oferece essa opção.

Com a Beep, você recebe proteção adicional sem precisar sair de casa para se vacinar. Nós oferecemos um serviço domiciliar conveniente e seguro, trazendo a imunização até você. É uma opção prática e confiável.

Aproveite a oportunidade e marque uma visita conosco. Estamos disponíveis todos os dias da semana, incluindo feriados.

Tomar a vacina da gripe estando gripado: o que ocorre?

A vacina da gripe é uma importante medida de prevenção contra a doença, sendo recomendada anualmente para diversas faixas etárias. Mas você sabe para que serve exatamente essa vacina? Vamos descobrir!

2. Redução dos sintomas: Mesmo que ocorra uma infecção pelo vírus influenza após a vacinação, ela pode ajudar na redução dos sintomas e no tempo de duração da doença.

You might be interested:  A importância da vacinação aos 15 anos

3. Proteção das complicações graves: A vacina também ajuda a proteger contra as complicações mais graves causadas pela gripe, como pneumonia e hospitalização.

4. Diminuição do risco de contágio: Ao se vacinar contra a gripe, você não apenas protege sua própria saúde, mas também contribui para diminuir o risco de transmissão do vírus para outras pessoas ao seu redor.

5. Imunidade coletiva: Quando um número significativo de pessoas recebe a vacina da gripe, cria-se um fenômeno chamado imunidade coletiva ou rebanho imune, que ajuda na proteção dos grupos mais vulneráveis à doença.

6. Atualização anual: A cada ano são desenvolvidas novas versões da vacina da gripe para acompanhar as mutações do vírus influenza em circulação e garantir maior eficácia na prevenção.

7. Segurança comprovada: As vacinas contra a gripe passam por rigorosos testes de segurança e eficácia antes de serem disponibilizadas para a população, garantindo sua qualidade.

8. Recomendação para grupos prioritários: Além das pessoas mais suscetíveis às complicações da gripe, como idosos, crianças pequenas e gestantes, profissionais da saúde também são recomendados a receber a vacina anualmente.

10. Importância durante pandemias: Durante uma pandemia de influenza ou surto gripal grave, como ocorreu com o H1N1 em 2009 e com o COVID-19 atualmente, a vacinação em massa se torna ainda mais essencial para conter a propagação do vírus.

Agora que você conhece as principais funções da vacina da gripe, fica evidente sua importância na prevenção dessa doença sazonal. Lembre-se sempre de consultar um profissional de saúde para obter informações específicas sobre seu caso e seguir as recomendações adequadas quanto à imunização.

Frequência anual da vacina contra a gripe

A vacina da gripe, também conhecida como vacina influenza, é uma importante medida de prevenção contra a doença. Recomenda-se que todas as pessoas com mais de 6 meses de idade recebam uma dose anual dessa vacina. No entanto, existe uma exceção para crianças menores de 9 anos: no primeiro ano em que elas receberem a vacina influenza, devem tomar duas doses com um intervalo de 30 dias entre elas.

P.S.: A vacina da gripe é segura e eficaz na prevenção dessa doença sazonalmente recorrente. Além disso, ao se proteger contra a gripe você também contribui para reduzir sua disseminação na comunidade e protege aqueles que são mais vulneráveis ​​a complicações graves relacionadas à doença.

Vírus responsável pela gripe

A gripe é uma doença viral causada pelo vírus influenza. Seus sintomas geralmente surgem de forma repentina, incluindo febre, vermelhidão no rosto, dores no corpo e cansaço. À medida que a infecção progride, entre o segundo e o quarto dia, os sintomas corporais tendem a diminuir enquanto os sintomas respiratórios aumentam. É comum nessa fase aparecer uma tosse seca.

P.S.: A gripe pode ser transmitida facilmente de pessoa para pessoa através das gotículas expelidas ao tossir ou espirrar. Por isso, é importante adotar medidas preventivas como lavar as mãos regularmente e cobrir a boca ao tossir ou espirrar para evitar a propagação do vírus.

P.S.: As vacinas da gripe são especialmente importantes para grupos considerados de risco, como idosos, crianças pequenas e pessoas com condições médicas crônicas. Essas pessoas têm maior probabilidade de desenvolver complicações graves decorrentes da infecção por influenza.

Portanto, além das medidas preventivas básicas mencionadas anteriormente (como higienização adequada das mãos), receber anualmente a vacina da gripe é fundamental para reduzir as chances de contrair essa doença viral potencialmente debilitante e proteger aqueles que estão mais vulneráveis às suas complicações.